sexta-feira, 12 de agosto de 2011

Você confia em mim?

No Salmo 43:5 o salmista pergunta a sua alma: Por que estás abatida, ó minha alma? Por que te perturbas dentro de mim? Espera em Deus, pois ainda o louvarei, a ele, meu auxílio e Deus meu.

Você está se sentindo abatido, derrotado, envergonhado, triste, desanimado? As ondas da crise tem varrido os pilares sobre os quais você se sustentava, o desemprego, a incerteza, a dor, a perda, a doença e até a morte tem lhe corroído os pensamentos? Suas lágrimas têm lhe alimentado dia e noite, e você chega ao ponto de dizer não aguento mais?

Tendo passado por muitos momentos como estes nos últimos tempos, a pergunta que aprendi a escutar de Deus é: Você confia em mim?

E responder sim a esta pergunta, faz toda a diferença. Na realidade não apenas responder, mas viver as situações de forma que minhas ações e reações estejam dizendo a Deus, sim Senhor, eu confio.

Confesso que não foi, não é e nunca será fácil, passar pelos problemas tendo como motivo de alegria, por saber que a provação é um instrumento de Deus para forjar em nós o carácter de Cristo, contudo posso lhes afirmar, que estou louvando a Deus na tempestade. (como diz a música de PG)


E eu creio, como disse o Salmista à sua própria alma, espera, aguarda, pois você ainda O louvará!

Senhor, eu confio em Ti, só em Ti e sei que hás de fazer infinitamente mais do que tudo quanto tenho te pedido e desejado.

Nenhum comentário: